Missão

Planear, orientar, fiscalizar e assegurar a realização de actividades no âmbito da construção, manutenção, inspecção e monitorização da infra-estrutura, de acordo com o planeamento e as necessidades, de forma a garantir a fiabilidade das instalações, o cumprimento dos prazos definidos, o adequado estado de conservação e as melhores condições de operacionalidade da Infra-estrutura ferroviária.

Responsabilidades

No âmbito do conjunto de responsabilidades atribuídas à respectiva especialidade, o colaborador deverá:

i. Propor as intervenções anuais ou pontuais na infra-estrutura, de forma a contribuir para o seu adequado estado de conservação e operacionalidade;

ii. Assegurar o cumprimento dos programas de trabalhos estabelecidos, orientando tecnicamente as actividades, gerindo e optimizando a afectação de recursos, de forma a garantir o cumprimento dos níveis de qualidade exigidos e dos prazos de execução acordados;

iii. Efectuar a fiscalização dos trabalhos, de acordo com o plano de intervenções estabelecido e as orientações superiores, tendo por base os regulamentos e procedimentos estabelecidos;

iv. Elaborar relatórios e fazer propostas, de forma a zelar pelo cumprimento dos contratos estabelecidos com empreiteiros ou prestadores de serviços;

v. Analisar, investigar e padronizar as anomalias repetitivas verificadas, de forma a estabelecer relações causais e definir, propor e implementar medidas correctivas de melhoria do desempenho da infra-estrutura e/ou propostas de alteração às normas e condições de funcionamento;

vi. Assegurar que se reúnem as condições para garantir a execução dos trabalhos na Infra-estrutura, bem como a reposição das condições de disponibilidade e segurança no mais curto espaço de tempo;

vii. Controlar e comandar a rede de alimentação de energia eléctrica aos comboios;

viii. Participar na recepção das instalações e equipamentos e elaborar os respectivos relatórios de recepção, bem como assegurar a identificação de eventuais não conformidades impeditivas do seu bom desempenho;

ix. Assegurar a manutenção dos equipamentos sob a sua responsabilidade, garantindo as revisões periódicas necessárias e as certificações de qualidade legalmente requeridas;

x. Acompanhar e registar em sistema, a todo o momento, a informação referente ao estado e disponibilidade da Infra-estrutura e acompanhar a evolução das avarias, resolução das situações anómalas verificadas e reportar essa informação às equipas e órgãos directamente interessados;

xi. Representar o “Dono de Obra”, no âmbito da fiscalização, nas especialidades em que tenha comprovado conhecimento;

xii. Participar na realização de Inquéritos Técnicos sobre acidentes e incidentes no âmbito geral da sua actividade;

xiii. Instruir Processos Disciplinares no âmbito da autonomia delegada e da sua competência profissional;

xiv. Promover o cumprimento das normas de segurança e saúde no trabalho, tendo em vista a prevenção de acidentes de trabalho e de doenças relacionadas com o trabalho, bem como afiscalização da sua observância por parte de empreiteiros e prestadores de serviços;

xv. Analisar processos e métodos, de forma a identificar oportunidades de implementar novos procedimentos e métodos de trabalho numa óptica de melhoria contínua.

xvi. Ministrar formação nos domínios técnicos das Infra-estruturas, no âmbito da competência profissional e responsabilidade atribuída;

xvii. Gerir os recursos humanos sob a sua responsabilidade, de forma a garantir o cumprimento das actividades previstas e a integração e desenvolvimento dos colaboradores.

Especialidades

CIVIL

Via
Geotecnia
Construção Civil

ELECTROTECNIA

Sinalização
Catenária
Energia de Tracção
Baixa Tensão
Telecomando da Catenária

Grelha Salarial: 238 254 277 306 341 373 403 421

(in Sistema de Carreiras 2007 (Anexo I ao AE))